O corpo físico é reflexo das emoções, crenças e pensamentos. Sempre que algo acontece o corpo sinaliza de alguma forma: através do riso, das dores, da palidez, tremores, suores, lágrimas, desarranjo intestinal, dentre outros. O organismo manifesta imediatamente todas as emoções, mesmo aquelas que queremos esconder de nós mesmos.

Muitas vezes, fazemos de conta que está tudo bem, usamos mecanismos de defesas psíquicos, escolhendo não querer ver e sentir, acabamos assim reprimindo nossas emoções, e isso consequentemente acaba virando outro problema que o corpo sinaliza como doença física.

Alguns exemplos: a asma pode estar relacionada ao complexo de culpa; problemas na bexiga aparecem em pessoas que ficam guardando suas dores; Bulimia, demonstra ódio de si mesmo e crença de não ser bom o suficiente; o câncer é associado a ressentimentos profundos; problemas na coluna, geralmente aparecem em pessoas que gostam de fazer tudo sozinhas e doenças do coração são desenvolvidas por pessoas que não vivem do amor e da felicidade.

A mente influencia diretamente no nosso sistema imunológico, na produção das enzimas, anticorpos, hormônios e neurotransmissores. Toda essa química determina nosso bem-estar e também nosso quadro sintomático.

Um dos caminhos mais eficazes para se proteger das doenças e preencher os vazios emocionais é o desenvolvimento da Inteligência Emocional, neste caso o psicólogo ajudará o indivíduo a se conhecer e a se relacionar com o meio e consigo mesmo de forma equilibrada. Cuidar da saúde mental é essencial para a saúde física.

 

* FABIANA CASSIA PEREIRA é Psicóloga Clínica, Especialista em Terapia Cognitivo Comportamental e atende na Bio Clínica.

 

 

Últimas notícias

O que é Urgente, não pode esperar! Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba alertas de notícias.
Entrar Mais tarde