O trabalhador rural José Lucio Lima dos Santos, 42 anos, foi encontrado morto neste sábado (30) por populares, nas imediações do Córrego Rancho Alegre em Mirassol D’Oeste, a vítima estava desaparecida desde a última sexta-feira (29).

De acordo com os relatos de um amigo e do seu irmão, a vítima teria sumido após deixar a propriedade em que trabalhava no município de Lambari D’Oeste, vindo em direção a Curvelândia.

Ele teria emprestado uma motocicleta Honda Bros de placas QCO 4926 do amigo, e teria sumido, que durante o sábado procuram pela vítima em hospitais, e unidades policiais, e não encontraram o trabalhador rural.

Já na noite do sábado (30) populares encontraram a vítima, com as mãos amarradas e estava com o rosto desfigurado, supostamente por espancamento feita por uma marreta, que foi encontrada ao lado do corpo. A vítima estava a cerca de 7km da cidade de Mirassol D’Oeste, na comunidade de Rancho Alegre.

A motocicleta todavia não se encontrava nas imediações, e pode ter sido a causadora da morte do trabalhador rural. A Policia Judiciária Civil de Mirassol D’Oeste investiga o caso e o roubo da motocicleta.

Na manhã deste domingo (31), o irmão da vítima Edilson Lucio Gabriel esteve na Instituo Médico Legal de Cáceres, onde reconheceu o corpo de seu irmão, o velório deve acontecer na cidade de Lambari D’Oeste.

Três pessoas foram detidas durante abordagem em uma residência no bairro Jardim São Paulo, em Mirassol D’Oeste (a 300 quilômetros de Cuiabá), por associação criminosa e tráfico de drogas. E.L.S. (33), S.A.L.S. (33) e E.B.S. (46) foram presos na tarde deste domingo (17.03) e a Polícia Militar também apreendeu drogas e dinheiro.

A residência, localizada na Rua Paraíba, é frequentada por usuários de drogas. Lá morava um casal, que seria o responsável pela venda do entorpecente. Em ronda pela região os policiais confirmaram a grande movimentação de pessoas entrando e saindo da residência.

Os policiais entraram na casa para a abordagem e encontraram porções de pasta base de cocaína com os suspeitos e em cima do sofá, além de uma balança. Na continuidade das buscas, foram encontrados objetos de origem duvidosa e sem nota fiscal. No total, foram apreendidos um quilo de pasta base de cocaína, 45 trouxas de pasta base de cocaína, dinheiro em notas e moedas.

Os policiais ainda descreveram que a residência possui insalubridade, odor de entorpecente, presença frequente de usuários. Tudo isso, somado ao material apreendido, caracteriza o local como uma boca de fumo.

Os suspeitos foram detidos em flagrante e encaminhados à delegacia para as devidas providências.

Durante a cobertura da operação Onipresente, deflagrada hoje (13 de Março) pela Polícia Federal em Salto do Céu, o portal de notícias estadual Circuito MT adiantou que a operação também investiga servidores públicos de Mirassol D'Oeste, que podem estar envolvidas no esquema.

A operação Onipresente investiga a contratação ilegal de médico, que recebeu mais de um milhão de reais por meio de fraude, uma vez que era contratado, ao mesmo tempo, para prestar oito horas de serviços nas cidades de Salto do Céu - MT e Ariquemes - RO. O detalhe é que a distância entre as duas cidades é de pouco mais de mil e cem quilômetros.

Nesta fase da operação, foram cumpridos mandados de busca e apreensão em uma residência, em um consultório médico e em uma das secretarias municipais de Salto do Céu. A Justiça Federal também determinou o bloqueio de 1,1 milhão de reais do médico (que não teve o nome divulgado), para ressarcimento dos danos causados à Salto do Céu.

O nome do médico bem como dos demais investigados não foi divulgado até a publicação dessa matéria.

Últimas notícias

Gazin - Aniversário - 02
O que é Urgente, não pode esperar! Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba alertas de notícias.
Entrar Mais tarde