O prefeito de Mirassol D’Oeste, está exonerando secretários visando o contingenciamento de despesas na administração pública. A primeira a ser exonerada do cargo foi a secretária de Desenvolvimento Social, cuja exoneração ocorreu no dia 28 de janeiro. Já estão previstas as exonerações, no dia 01 de fevereiro, dos secretários: de Administração e de Agricultura. No caso do secretário de Administração, foi informado de que o mesmo já havia solicitado exoneração do cargo.

Falando com a reportagem, o prefeito explicou que as ações promovidas não prejudicarão os trabalhos que vinham sendo desenvolvidos pelos referidos secretários ,uma vez que os servidores lotados nessas secretarias continuam em atividade. Ele esclareceu ainda que, “a Secretaria de Educação responderá pela Secretaria de Desenvolvimento Social, a secretaria de Fazenda responderá pela Administração e a Secretaria de Obras e Infraestrutura responderá pela secretaria de Agricultura.”

Fazendo essas junções, o prefeito espera garantir o equilíbrio entre receita e despesas, pois “o tribunal de Contas do Estado, incorporou, na folha de pagamento, todo gasto do Hospital Samuel Greve, inviabilizando alguns trabalhos que vinham sendo feitos, pois essa incorporação está quase extrapolando o índice de gastos permitidos com a folha de pagamento. Ou seja, outros cortes também serão necessários.”

Por causa disso, o Teste Seletivo, esse ano, será realizado em duas etapas .”O primeiro edital está tratando dos serviços essenciais da educação, que será realizado em fevereiro e, numa segunda etapa o teste será feito, se o índice permitir, para preenchimento de cargos técnicos , que não são essenciais, mas que são necessários para a administração pública”, disse o prefeito, que encerrou os esclarecimentos agradecendo os secretários, que estão deixando seus cargos, pelos serviços que prestaram frente as respectivas secretarias.

 

 

Últimas notícias

O que é Urgente, não pode esperar! Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba alertas de notícias.
Entrar Mais tarde