Prefeitura de Mirassol D'Oeste divulga resultado preliminar de seleção para Engenheiro Civil e Arquiteto-Urbanista
O objetivo é contratar dois profissionais, em caráter temporário a fim de suprir as necessidades do ...
Três suspeitos são presos em barraca de verduras usada para jogo do bicho
Militares do 4° Batalhão de Polícia Militar de Várzea Grande, conduziram três suspeitos de envolvime...
Sargento pula de carro em movimento; nada em rio e escapa da morte em Cuiabá
Militar foi rendido por criminosos ao chegar em casa no Recanto dos Pássaros Um sargento do Corpo d...
Governadora do Rotary Club visita prefeito de Mirassol D'Oeste
Considerando a relevância dos serviços prestados pelo Rotary no município de Mirassol D´Oeste, o pre...
TJ condena instituição de Mirassol por não acolher menor
Por decisão unânime, a Terceira Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de Mato Grosso desp...
Obra mal planejada deixa crianças sem creche em Mirassol D’Oeste
Entre os dias 10 e 11 de outubro de 2018, estiveram em nosso município, técnicos da Associação dos M...
Prefeitura de Mirassol D'Oeste divulga resultado p...
Três suspeitos são presos em barraca de verduras u...
Sargento pula de carro em movimento; nada em rio e...
Governadora do Rotary Club visita prefeito de Mira...
TJ condena instituição de Mirassol por não acolher...
Obra mal planejada deixa crianças sem creche em Mi...

G1
Em dois minutos, virou uma tragédia." Foi assim que João Clodoaldo Guidini, de 56 anos, resumiu o episódio que terminou com um palhaço de rua internado em estado grave na UTI da Santa Casa de Mogi Guaçu (SP). Emocionado, o motorista contou ao G1 sua versão da briga, relatou que recebeu ameaças na cidade e que torce pela recuperação do artista de rua. "Estou orando para que ele se recupere."

Por telefone, Guidini contou que foi tirar satisfação com o palhaço após ele ter batido com o pino usado em malabarismos na porta do seu carro. E que, neste momento, percebeu a gravidade da situação.

"Procurei uma viatura para reclamar, mas não vi nenhuma. Fui falar com o palhaço, e ele disse: 'eu não tenho carro, o problema é seu'. Aí vi que tinha entrado numa fria. Resolvi sair e ele foi atrás. Dá para ver no vídeo. Ele me atingiu com o pino na cabeça, e eu reagi."

Guidini contou que esteve no IML nesta sexta-feira (11) para realizar exames e mostrar o ferimento na cabeça.

"Nunca briguei na minha vida, nunca tinha dado um tapa em ninguém. Não esperava que fosse acontecer isso na minha vida. A família inteira está abalada."

O motorista relatou que está sofrendo com cobranças, julgamentos e ameaças pela cidade, e que membros da família deixaram as redes sociais após enxurrada de comentários.

"Isso destrói a família. Tenho filhos, netos. Nem sei se eu deixo a cidade. Mas não vou fugir, não sou fugitivo", afirma, aos prantos.

Guidini completa dizendo que está na torcida pela recuperação do palhaço. "Estou orando. Quero que ele se recupere. É a vida dele em jogo, mas Deus é quem sabe."

O caso

Um palhaço de rua está internado na UTI na Santa Casa de Mogi Guaçu após se envolver em briga com um motorista na região central da cidade na tarde da última quarta-feira (9).

O circuito de segurança de uma ótica registrou parte da confusão e o momento da agressão. As imagens foram divulgadas na quinta (10). O artista de rua cai desacordado e bate com a nuca no asfalto.

João Guidini foi encaminhado a delegacia, ouvido e liberado após o registro da ocorrência como lesão corporal.

Destaques do Dia

Curtinhas

Variedades

Nacional & Internacional

Polícia & Judiciário

Curta-nos no Facebook