Carreata pró-Bolsonaro será realizada na tarde deste sábado em Mirassol D’Oeste
Apoiadores do candidato à Presidência, Jair Bolsonaro estão programando para a tarde deste sábado, 2...
Mirassol D'Oeste: Beneficiários do bolsa família devem realizar pesagem obrigatória
Fotos: Arquivo A Secretaria de Desenvolvimento Social convoca os beneficiários do programa Bolsa Fa...
Mirassol D'Oeste: PM apreende adolescente com faca após tentativa de roubo de celular
Policiais Militares do 17º BPM de Mirassol D´Oeste quando realizavam patrulhamento ostensivo na imed...
Juíza Selma Arruda lidera carreatas e apresenta propostas na Região Norte
Foto em Cáceres As carretas Pró-Bolsonaro lideradas pela juíza Selma Arruda, candidata ao Senado, m...
Ciro ataca repórter durante comício em Boa Vista
O candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, atacou um repórter durante comício em Boa...
Bolsonaro sobe para 33% dos votos; Haddad salta para 16% e empata com Ciro em 2º, mostra pesquisa
Candidato do PT ultrapassa Ciro Gomes numericamente com um salto de 8% para 16%, mas empatado ainda ...
Carreata pró-Bolsonaro será realizada na tarde des...
Mirassol D'Oeste: Beneficiários do bolsa família d...
Mirassol D'Oeste: PM apreende adolescente com faca...
Juíza Selma Arruda lidera carreatas e apresenta pr...
Ciro ataca repórter durante comício em Boa Vista
Bolsonaro sobe para 33% dos votos; Haddad salta pa...

Com base em denúncia recebida, polícia montou uma barreira na BR-364 e prendeu casal. Eles estavam retornando de viagem ao Paraguai.

Um casal foi preso na noite desse domingo (8) em São Pedro da Cipa, a 149 km de Cuiabá, com munições contrabandeadas do Paraguai. A Polícia Civil de Jaciara, a 142 km da capital, informou que Francisco de Assis Alli Franklin, de 53 anos, e Salete Schmitz Schneider, de 41, já estavam sendo monitorados pela polícia. A reportagem do G1 não localizou a defesa deles.

A polícia disse ter recebido uma denúncia de que eles estavam retornando do Paraguai. Com base nisso, foi montada uma barreira na BR-364, onde eles foram presos.

A mãe do suspeito, de 75 anos, que estava no veículo também foi conduzida à delegacia, até a vistoria completa n o veículo. Ela, no entanto, é considerada testemunha do crime.

No carro em que eles estavam, foram encontradas várias caixas contendo munições, inclusive de uso restrito, que estavam no porta-malas e no porta-luvas.

Conforme a Polícia Civil, o casal contrabandeava munições adquiridas no Paraguai e as revendiam em Jaciara.

Com os suspeitos, a polícia ainda encontrou as notas fiscais das mercadorias.

Os policiais também foram até a casa de Salete, onde encontraram uma espingarda de pressão, adaptada para calibre 22, e na residência da mãe de Francisco de Assis, e dois cartuchos calibre 20. Os objetos foram apreendidos.

Por: G1 / MT

Destaques do Dia

Curtinhas

Variedades

Nacional & Internacional

Polícia & Judiciário

Curta-nos no Facebook