CHEFE DO MPE: "Prender corrupto e não tomar patrimônio é enxugar gelo"

O novo procurador-geral de Justiça de MT, Mauro Curvo, declarou ao Conexão Poder, que defende que qualquer agente público acusado por corrupção, tenha os bens, em seu nome e de seus familiares, tomados pela Justiça. “Toma tudo dele ele que vá provar que é lícito; se não for assim, vamos continuar enxugando gelo”, prevê.

Mauro Curvo assumiu o comando do MPE no dia 6 de março, após 20 anos de atuação. O procurador fez declarações polêmicas. Confira abaixo, na íntegra a entrevista.