RETA FINAL: Juíza apanha, mas cresce em MT

Apesar da exposição negativa, com a acusação de prática de Caixa 2, a ex-juíza Selma Arruda (PSL) deu um salto e passa a ser, neste momento, a segunda opção de voto ao Senado, segundo as intenções de voto. Quatro pesquisas divulgadas nesta semana – Vetor, Voice, Band e Gazeta Dados - revelam o crescimento da candidatura da ex-magistrada, embora algumas situações apontem empate técnico com adversários.

Os principais adversários de Selma na corrida ao Senado são o Procurador Mauro (Psol) e o deputado Nilson Leitão (PSDB). Ambos, no entanto, registram oscilações, enquanto a ex-juíza cresce.

Segundo o Instituto Vetor, Leitão tem 16% das intenções e Selma, 15%. No Gazeta Dados, a ex-magistrada e o Procurador Mauro têm 17%. Considerando a margem de erro, há empate técnico nos dois estudos.

A Band aponta Selma com 26% das intenções contra 21% de Leitão. No Voice, a ex-juíza tem 20% contra 19% do tucano. Em todas essas pesquisas, o líder é Jayme Campos (DEM), com 30% das intenções, em média.

“Fenômeno” em todas as eleições das quais participa, o Procurador Mauro começa a oscilar. Segundo o Vetor, ele tem 14%; no Gazeta Dados, 17%. No Voice e na Band, ele não aparece entre os quatro primeiros.

O Voice revela um dado curioso: Jaime é o mais rejeitado, com 11%. Depois, vêm Leitão, com 7%; Procurador Mauro, com 3%; e Selma, com 2%. O instituto disse ter entrevistado 812 eleitores, em 30 cidades.

Por: Folha Max

Destaques do Dia

Curtinhas

Variedades

Nacional & Internacional

Polícia & Judiciário

Curta-nos no Facebook