Adriano Silva contesta acusação e Raquel Dodge assume equívoco

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, reparou o equívoco cometido contra o deputado Adriano Silva.

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, corrigiu-se sobre os inquéritos citados contra o deputado estadual Adriano Silva (DEM), a mesma voltou a listar inquérito contra vários deputados, porém isentou Adriano das acusações anteriormente citadas por ela, ao se manifestar de forma contrária à soltura do deputado Mauro Savi.

Na ocasião, Dodge citou uma lista de inquéritos contra 22 dos 24 deputados da Assembleia para afirmar que o Legislativo estadual não tem capacidade de votar pela soltura de Savi.

As informações contra Adriano Silva, porém, conforme a procuradora-geral, estavam equivocadas.

Por: Mídia News