Papelaria Risk Rabisk

Parcialmente nublado

30°C

Parcialmente nublado

HORA DA VERDADE: Bancada de MT se divide sobre Temer

O senador Wellington Fagundes (PR) afirmou que o PR decidiu manter apoio ao governo Michel Temer (PMDB). Fagundes e Cidinho (PR) se junta agora ao senador José Medeiros (PSD), como defensores incondicionais de Temer no Senado. 

Já na Câmara dos Deputados, pelo menos em público, a bancada de Mato Grosso está na espreita para ver se fato a fila pela cadeira de presidente da República está andando. Do lado de Temer, apenas seu colega de partido Carlos Bezerra. Declaradamente vão votar pelo prosseguimento da denúncia contra Temer os deputados Ságuas Moraes (PT) e Victório Galli (PSC). 

Ainda não declararam seus votos os deputados Nilson Leitão (PSDB), Ezequiel Fonseca (PSC), Adilton Sachetti (PSC) e Fábio Garcia (PSC). Um caso, a parte, é o camaleão Valtenir Pereira (PSC). o deputado federal Valtenir Pereira (PSB) saiu de licença do mandato pelos próximos 120 dias. Desta forma, ele não votará a denúncia da Procuradoria Geral da República contra o presidente Michel Temer. 

Com a licença, quem assume sua cadeira é o vereador por Tangará da Serra, Rogério Silva (PMDB). Terceiro suplente, já que o ex-deputado Jota Barreto (PR) e a professora Jusci Ribeiro (PT) recusarem assumir o cargo. 

Por: Folha Max