Papelaria Risk Rabisk

Nublado

31°C

Nublado

Professora agride e corta cabelo de aluna que saiu com seu marido

NEWS 365 
Um vídeo que está viralizando na internet mostra uma professora de uma escola da cidade de Belo Campo, na Bahia, agredindo uma aluna e depois cortando o cabelo dela após ter descoberto que a jovem andava saindo com o marido. Como foi descoberto, as duas não tinham contato dentro da sala de aula, já que a profissional não dava aulas para a aluna. Enquanto a briga acontecia, algumas pessoas apoiavam a professora, que foi traída, e outras tentavam ajudar a estudante, que ainda, ironicamente, afirmou que não sabia que o homem com quem saiu era casado.

No início da gravação que está circulando nas redes sociais, a professora já agarra a estudante. Enquanto isso, as pessoas ao redor gritam "vai, talarica", a expressão é usada para aquelas pessoas que "roubam" o companheiro ou companheira de alguém - seria o antigo "fura olho". Um grande grupo se forma ao redor das duas 'brigonas'. A professora, num primeiro momento, estava tentando sufocar com a jovem com uma chavehave no pescoço.

Quando imobiliza a estudante, a professora começa a falar para todo mundo ouvir. Primeiro, a mulher diz que aquilo era para a estudante aprender a não "mexer com o marido das outras". Para quem estava filmando, a professora começa a mostrar o rosto da garota, dizendo que "aquilo" era para quem "pegava" o marido dos outros. Enquanto isso, mesmo imobilizada, a estudante parecia dar risada da situação, afinal, havia um grande número de pessoas olhando.

Quando a mulher falava que era para ela aprender a lição, uma das amigas da estudante puxa o cabelo da mulher e a aluna consegue escapar. A professora se prepara, assim como a aluna, para continuar a confusão. No entanto, colegas da escola tiram a garota do meio da roda. Enquanto isso, a traída gritava, chamando a jovem de "safada". Apesar de não aparecer na gravação, é dito que a mulher cortou parte do cabelo da amante do marido.

A jovem abriu um BO e afirmou que o homem estava separado da professora quando os dois tiveram um relacionamento. A professora deve prestar depoimento apenas na próxima semana.